54 peças de metal são furtadas do palacete “Casa 6” em Pelotas (RS)

Peças roubadas ornamentam o guarda-corpo da escadaria e da varanda frontal do local

O Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (Iphan) recebeu por meio do processo 01512.000627/2021-96, notícia de furto de bens integrados de uma edificação que integra o conjunto tombado de Pelotas (RS). No total, foram furtadas 54 peças metálicas que compõem o guarda-corpo da escadaria e da varanda frontal do palacete conhecido como “Casa 6”, pertencente ao conjunto tombado da cidade de Pelotas (RS).

SAIBA MAIS: https://www.obrasdarte.com/54-pecas-de-metal-sao-furtadas-do-palacete-casa-6-em-pelotas-rs/

Peças de metal são furtadas do palacete “Casa 6” em Pelotas (RS). Foto: IPHAN.
Peças de metal são furtadas do palacete “Casa 6” em Pelotas (RS). Foto: IPHAN.

Flávia Cardoso Soares Leilões: 134º Leilão Tenor & Pellizzari de Numismática – PEÇAS ESPECIAIS E OPORTUNIDADES ÚNICAS (ÚLTIMO LEILÃO DO ANO)

Dia 27 de Dezembro de 2021
Segunda-Feira – 19H
134º Tenor & Pellizzari

LEILOEIRA

Flávia Cardoso Soares – JUCESP Nº 948

ACESSE: https://www.obrasdarte.com/flavia-cardoso-soares-leiloes-134o-leilao-tenor-pellizzari-de-numismatica-pecas-especiais-e-oportunidades-unicas-ultimo-leilao-do-ano/

Flávia Cardoso Soares Leilões: 134º Leilão Tenor & Pellizzari de Numismática. Divulgação.
Flávia Cardoso Soares Leilões: 134º Leilão Tenor & Pellizzari de Numismática. Divulgação.

Artista Sonia Madruga entra na Academia Brasileira de Belas Artes e em série “Passaporte para a Liberdade”

Famosa por pintar imagens de Nossa Senhora, a artista carioca Sonia Madruga emplacou uma obra nos cenários da minissérie “Passaporte para a Liberdade”, em cartaz na tv Globo.

CONFIRA: https://www.obrasdarte.com/artista-sonia-madruga-entra-na-academia-brasileira-de-belas-artes-e-em-serie-passaporte-para-a-liberdade/

Sonia Madruga à direita na Academia Brasileira de Belas Artes. Foto: Divulgação.
Sonia Madruga à direita na Academia Brasileira de Belas Artes. Foto: Divulgação.

Feira de Arte e Artesanato em Cerâmica abre inscrições gratuitas para artistas do DF e Entorno

Feira de Arte e Artesanato em Cerâmica vai integrar o 1º Encontro de Ceramistas do DF e Entorno. O evento vai reunir artesãos, estudantes e público interessado em arte e artesanato para desfrutar de uma programação com palestras, rodas de conversa, oficinas de cerâmica, mostra de vídeos, exposição e feira de artesanato, no período de 24 a 30 de janeiro de 2022, no Museu Vivo da Memória Candanga.

SAIBA MAIS: https://www.obrasdarte.com/feira-de-arte-e-artesanato-em-ceramica-abre-inscricoes-gratuitas-para-artistas-do-df-e-entorno/

Obra de Hilda Freire de Olhos D’Água. Foto: Divulgação.
Obra de Hilda Freire de Olhos D’Água. Foto: Divulgação.

Rodrigo Silva – “Sobre a luz Divina da arte naif”

Meu nome completo é Rodrigo Manoel da Silva, mas assino como Rodrigo S.. Nasci no Brasil, cidade de São José do Rio preto, interior de SP, desenvolvi o dom desde de pequeno, com um estilo próprio… nunca fiz aulas de pinturas, tudo intuitivo à mão livre…

CONFIRA A ENTREVISTA COMPLETA: https://www.obrasdarte.com/rodrigo-silva-sobre-a-luz-divina-da-arte-naif/

Obra de Rodrigo Silva.
Obra de Rodrigo Silva.

Tendências decorativas para colocar em prática em 2022

É importante começar esse artigo reforçando que uma das maneiras mais fáceis de criar um ambiente incrível em sua casa é investir em tendências da moda e estilos decorativos – que, inclusive, são variados.

Pensando no bem-estar e trazendo toda autenticidade e identificação através de todos os detalhes no ambiente, pensando em trazer sua essência, principalmente para que sua casa realmente tenha todo conforto e identificação.

CONFIRA O ARTIGO COMPLETO: https://www.obrasdarte.com/tendencias-decorativas-para-colocar-em-pratica-em-2022/

Tendências decorativas para colocar em prática em 2022. Foto: Fundo foto criado por wirestock - br.freepik.com.
Tendências decorativas para colocar em prática em 2022. Foto: Fundo foto criado por wirestock – br.freepik.com.

Casa França Brasil abrirá a exposição “Uns sobre os outros: História como corpo coletivo”, da artista Thelma Innecco, dia 20

Abertura: segunda-feira, 20 DE DEZEMBRO, 19 horas

Exposição: de 21 de dezembro de 2021 a 23 de janeiro de 2022

A mostra apresenta cerca de 20 obras da artista Thelma Innecco, vídeo de Caren Moy e curadoria de Ana Emília Lobo

​Na exposição “Uns sobre os outrosHistória como corpo coletivo” o barro é usado para refletir a humanidade e também um ato de resistência. A mostra, que inaugura segunda-feira, dia 20, apresenta cerca de 20 obras inéditas da artista plástica Thelma Innecco organizadas em três ambientes, que refletem o ser humano em episódios da memória coletiva, tecendo comentários estéticos sobre as relações humanas, através de movimentos transversais ao tempo histórico. São esculturas em cerâmica de corpos múltiplos, os quais instalam manobras de questionamento sobre as relações humanas a partir das dessemelhanças. “Afetos calorosos – coletivos e individuais – comungam do espaço com corpos serializados, eximidos de particularidades. Tal associação nos aproxima uns dos outros, nos faz recordar memórias íntimas, resgatando em nós o sentido de uma humanidade em curso”, revela a crítica de arte Ana Emília Lobo, doutora em Arte e Cultura Contemporânea pela UERJ, que assina a curadoria da exposição.

MAIS: https://www.obrasdarte.com/casa-franca-brasil-abrira-a-exposicao-uns-sobre-os-outros-historia-como-corpo-coletivo-da-artista-thelma-innecco-dia-20/

Thelma Innecco, obra. Foto: Divulgação.
Thelma Innecco, obra. Foto: Divulgação.

10 artistas expõem seus trabalhos em cerâmica no – Quanto Café – sábado, dia 18

O charmoso Quanto Café, na 103 Norte, recebe dia 18 de dezembro, sábado, a primeira edição da

Feira Itinerante de Cerâmica Autoral

Artistas ceramistas convidam Brasília a apreciar seus trabalhos e aproveitar para presentear com exclusividade neste Natal

O momento que se desenha quando o assunto é consumir, vem ganhando novos contornos. O descartável perdeu espaço para o durável. Aquilo que polui, não passa mais despercebido. O industrializado, não atrai tantos olhares quanto o feito artesanalmente. O que vem de longe, perde importância quando se tem algo semelhante feito por quem é de perto. E o que é produzido em série, perde encanto e valor para o que é único.

CERÂMICA: https://www.obrasdarte.com/10-artistas-expoem-seus-trabalhos-em-ceramica-no-quanto-cafe-sabado-dia-18/

Débora Amorim. Foto: Divulgação.
Débora Amorim. Foto: Divulgação.

Artista Karen Valentim usa Pigmentos Naturais nas suas Obras na Galeria CAWE

A Galeria CAWE realiza exposições virtuais de Artistas Independentes do Brasil e Exterior.

Exposição MEMÓRIAS ANCESTRAIS da Artista Karen Valentim sob a Curadoria de CAW, vai até dia 20 de Dezembro.

CONFIRA: https://www.obrasdarte.com/artista-karen-valentim-usa-pigmentos-naturais-nas-suas-obras-na-galeria-cawe/

Obra “Sabedoria” de Karen Valentim. Foto: Divulgação.
Obra “Sabedoria” de Karen Valentim. Foto: Divulgação.